Rede Social do Café

T Ó P I C O : Café: Bolsa de Nova York recua mais de 50 pts nesta tarde de 6ª feira e estende perdas da véspera

Informações da Comunidade

Criado em: 28/06/2006

Tipo: Tema

Membros: 5049

Visitas: 20.586.913

Mediador: Sergio Parreiras Pereira

                        

Adicionar ao Google Reader Adicionar ao Yahoo Reader Adicionar aos Favoritos BlogBlogs


Comentários do Tópico

Café: Bolsa de Nova York recua mais de 50 pts nesta tarde de 6ª feira e estende perdas da véspera


Autor: Leonardo Assad Aoun

59 visitas

1 comentários

Último comentário neste tópico em: 14/09/2018 17:53:21


Leonardo Assad Aoun comentou em: 14/09/2018 18:07

 

Café: Bolsa de Nova York recua mais de 50 pts nesta tarde de 6ª feira e estende perdas da véspera

 

Os contratos futuros do café arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) operam com queda de mais de 50 pontos nesta tarde de sexta-feira (14). O mercado do grão estende as perdas da véspera em acomodação técnica e com operadores ainda atentos ao câmbio e safra brasileira. Essa é a segunda baixa consecutiva.

Por volta das 12h55 (horário de Brasília), o contrato dezembro/18 tinha queda de 70 pontos, a 99,95 cents/lb, enquanto o março/19 anotava 103,25 cents/lb com recuo de 80 pontos. Já o maio/19 perdia 80 pontos, valendo 105,65 cents/lb e o julho/19 trabalhava com baixa de 80 pontos, a 108,05 cents/lb.

Com a baixa nesta sexta-feira, o vencimento referência de mercado na ICE testa níveis abaixo do patamar de 100 cents/lb e volta a se aproximar das mínimas de 12 anos. O dólar teve importante fator de pressão aos preços na véspera e no pregão de hoje mais fatores técnicos pesam no arábica.

"Ideias de forte produção no Brasil e no Vietnã, juntamente com o enfraquecimento das moedas de mercados emergentes estão mantendo os futuros sob pressão. Os especuladores têm olhado para a fraqueza do real frente ao dólar norte-americano", disse na véspera o analista e vice-presidente da Price Futures Group, Jack Scoville.

Às 12h08, o dólar comercial recuava 0,20%, cotado a R$ 4,1871 na venda. O mercado da moeda passa por movimento corretivo depois de testar na véspera sua máxima desde a criação do Plano Real e com a cautela com a cena eleitoral. Na véspera, a divisa fechou em R$ 4,1957 na venda.

A colheita da safra 2018/19 da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé) chegou a 95,64% até o dia 07 de setembro, segundo informou na quarta-feira (12) a entidade. Os trabalhos avançaram 3,8 pontos percentuais de uma semana para a outra.

No Brasil, no último fechamento, antes do feriado, o tipo 6 duro era negociado a R$ 420,00 a saca de 60 kg em Espírito Santo do Pinhal (SP), em Guaxupé (MG) os preços estavam cotados a R$ 430,00 a saca e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 424,00 a saca.

» Clique e veja as cotações completas de café

Por: Jhonatas Simião

Visualizar | |   Comentar     |  



1